Carnaval de Belo Horizonte 2014

Cristiano Meireles 31 de janeiro de 2014 0

Belo Horizonte tem muito a oferecer na época mais festiva do ano. E não estamos falando das belas Ouro Preto, Diamantina e São João Del Rey. Estamos falando de Carnaval de qualidade na capital mineira mesmo. E por aqui a festa, que contagia muita gente há cinco anos, promete reunir muita gente, mais uma vez, em várias ruas da cidade.

logo_carnaval-bh

Uma das principais mudanças para o Carnaval de Belo Horizonte 2014 é o retorno dos desfiles das escolas de samba e blocos caricatos para a Avenida Afonso Pena. Pelo percurso, entre a Avenida Carandaí e a Rua da Bahia, estima-se que desfilem seis escolas de samba e nove blocos caricatos.

A Estação do Samba também terá sua estrutura ampliada e receberá sua programação em 12 palcos espalhados em vários pontos da cidade. As praças da Estação, da Savassi e da Pampulha vão contar com palcos estratégicos que vão servir de ponto de encontro para foliões curtirem diversos shows, de nomes locais e nacionais do samba. Ao todo, são esperados mais de 70 artistas do samba.

O melhor do Carnaval de Belo Horizonte, além da animação e de muita gente bonita, é que a festa toma conotação política. Sim! Tudo muito democrático e sem violência. Isso porque, a maior parte das marchinhas que tomam conta dos bares, botecos (a festa por aqui começa sempre na porta de um bom botequim) e avenidas são músicas de protesto ou fazem ironia com escândalos que envolvem algum político.

Para se ter uma ideia, no concurso de marchinhas de 2012, a música campeã foi “Na coxinha da Madrasta”, do músico Flávio Henrique Oliveira, que fazia referência ao escândalo envolvendo o Presidente da Câmara de Belo Horizonte, Léo Burguês, que gastou  R$62 mil de verba indenizatória em lanche. Segundo matéria publicada no Jornal O Tempo na época da denúncia, os salgados eram encomendados no bufê da madrasta do vereador. A música virou hit do Carnaval de Belo Horizonte daquele ano e, até hoje, é lembrada. Veja o Vídeo abaixo:

Content not available.
Please allow cookies by clicking Accept on the banner

Para 2014, 200 blocos de rua prometem alegrar um público estimado em um milhão de foliões. A Prefeitura de Belo Horizonte também garantiu não decepcionar e afirma que irá aumentar a estrutura da festa com mais policiamento, banheiros químicos, lixeiras maiores, apoio efetivo da Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans) e liberação de vendedores ambulantes, entre outras questões.

Tudo isso porque, no ano passado, o Carnaval de Belo Horizonte recebeu um número maior de foliões do que era esperado, causando prejuízos em muitas regiões. No bairro Santa Tereza, por exemplo, o rastro de sujeita e muito barulho foram deixados para os moradores locais que, para este ano, articulam limitar o número de pessoas na região.

Outro caso foi o do bloco BaianasOzadas, que desfilou no centro. O grupo previa receber até mil pessoas, mas contou com quase 20 mil integrantes, o que provocou alteração de última hora no trajeto do desfile.

Corte Momesca do Carnaval de Belo Horizonte

Getúlio Ramalho, de 31 anos, foi coroado o novo rei do Carnaval de BH. Renata Ribeiro, 34, é a rainha e Yaralis Teles, de 24 anos, a princesa. Além do título, os reis ganharam prêmio de R$ 5 mil e a princesa levou para casa R$3 mil.

Corte-momesca-do-carnaval-de-BH_foto_Kivian-Santos_belotur

O júri para a escolha da Corte Real Momesca foi composto por personalidades do meio cultural e da moda. As candidatas a rainha e princesa foram julgadas pela beleza, harmonia das linhas físicas e pelo domínio do samba. Já o rei momo foi avaliado pela qualidade do samba e pela alegria.

https://www.youtube.com/watch?v=3B2eDupSNR0



Comments

comments

Leave A Response »

By continuing to use the site, you agree to the use of cookies. more information

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close